Acessibilidade
A+
Aumentar Fontes
A-
Diminuir Fontes

Inverter Cores

Tons de Cinza

Trocar Cursor
INSTITUCIONAL
Ação Social
TOTAL DE PUBLICAÇÕES - 2
Ano:
2021
08/04/2021
RELATORIO REFERENTE AO COVID.
01/02/2021
admissão para enfrentamento do COVID.
Voltar
Confira as Últimas Notícias
14/04/2021 - Governo domingosoarense vai desenvolver turismo local
Uma das metas do atual governo domingosoarense é desenvolver e alavancar o turismo no município, algo que nunca antes foi feito. Por isso, na manhã de hoje o prefeito em exercício, Lio, recebeu os turismólogos curitibanos Welinton Martins, da Curitiba Experience, e Luís Carlos Pereira, da Nichele Turismo, que apresentaram ideias e alternativas para o setor. De acordo com Martins, o Município precisa fazer um planejamento, um estudo técnico para definir os tipos de atrativos, os nichos, o público-alvo entre outros pontos importantes para que os trabalhos obtenham o êxito almejado. "Deve ser algo organizado e bem estruturado, para que os turistas se sintam interessados em conhecer e possam desfrutar ao máximo das atrações disponibilizadas, com infraestrutura adequada, conforto e segurança", comentou. Para Lio, o turismo é um setor que merece ser explorado em Coronel Domingos Soares, com respeito ao meio ambiente e responsabilidade social. "Não podemos ficar parados no tempo. Precisamos acompanhar outros municípios, buscar alternativas para melhorar a renda das famílias, fazer as coisas boas de Coronel Domingos Soares aparecerem também e, futuramente, com isso melhorar até a arrecadação de impostos para o Município", disse o prefeito em exercício. Após a reunião, os diretores dos departamentos municipais de Cultura e Turismo e Meio Ambiente, Jeneci Brais Carvalho e Rodrigo Gheno, respectivamente, levaram os visitantes para conhecer algumas cachoeiras, trilhas e rotas que poderão se transformar em verdadeiros pontos turísticos de Coronel Domingos Soares, aptos a visitações, investimentos, muito lazer e diversão.
13/04/2021 - Cel. Domingos Soares quer adquirir áreas para recolhimento do ICMS ecológico
O prefeito em exercício de Coronel Domingos Soares, Liomar Antônio Bringhentti, recebeu na tarde de terça-feira o presidente da Câmara Municipal, Valdir Castanha, o vice-presidente, João Evandro Tibes, o 1º secretário, Tiago Silveira Neves e o 2º secretário, Anderson Iraci Guimarães, com o intuito de se apresentar como gestor interino e colocar o Executivo à disposição do Legislativo.             Aproveitando a ocasião, o diretor do Departamento Municipal de Meio Ambiente, Rodrigo Gheno, apresentou aos vereadores o projeto para repasse de recursos ao Município por meio do ICMS Ecológico, criado no Paraná em 1991 como medida de distribuição dos recursos provenientes das arrecadações de ICMS aos seus Municípios, mediante o estabelecimento de critérios de restrição e proteção ambientais pré-definidos. Para isso, o Município precisa abrigar em seu território Unidade(s) de Conservação ou mananciais para abastecimento de municípios vizinhos. Assim, a Prefeitura de Coronel Domingos Soares publicou dois editais declarando de utilidade pública para fins de desapropriação áreas de imóveis rurais para a implantação de Unidades de Conservação Municipal de Proteção Integral, sendo uma Estação Ecológica Municipal, com uma área de 293,30 hectares, com o objetivo de conservar a biodiversidade e realizar pesquisas científicas, e uma Reserva Biológica Municipal, com área de 239,70 hectares, com o objetivo de preservar totalmente a biodiversidade e as demais características naturais presentes dentro dos seus limites. Conforme Gheno, a previsão de arrecadação anual inicial é de R$ 1 milhão; atualmente a arrecadação do ICMS Ecológico por Coronel Domingos Soares é de 0% quanto ao Fator Ambiental. Municípios como Clevelândia, Bituruna e General Carneiro, por exemplo, arrecadam por ano R$ 2.933.937, R$ 3.448.847 e R$ 1.870.603, respectivamente, com o imposto. A estimativa do investimento é de aproximadamente R$ 4.405 milhões.             Segundo o Instituto Água e Terra (IAT), “O ICMS Ecológico é um remanejamento de receita tributária, com base na proteção ambiental, que um determinado Município aplica no seu território”. Portanto, o valor recebido pelos Municípios por ICMS Ecológico dependerá do seu próprio comprometimento com a preservação das suas unidades de conservação e mananciais. O próprio IAT ainda explica que “esse instrumento de política pública vem sendo a solução para que a restrição de uso do território nos municípios seja recompensada, garantindo a conservação do patrimônio natural e o beneficiamento da população mediante o repasse de recursos do Governo Estadual para os Municípios, viabilizando a efetivação de ações voltadas à melhoria da qualidade de vida”.             O diretor de Meio Ambiente destaca que este é um investimento a médio prazo, não sendo uma despesa, pois todo valor gasto pelo Município na aquisição das áreas será restituído posteriormente aos cofres públicos pelo próprio ICMS gerado. “Somos um município ecológico e precisamos explorar mais e melhor esse Fator Ambiental, gerando bens e recursos que possam ser empregados em ações efetivas em prol da população”, comentou Gheno, salientando que, se as gestões anteriores tivessem iniciado este projeto hoje o Município já estaria colhendo os resultados. “Este é um investimento para as futuras gerações, que poderão desfrutar desses espaços para estudos, pesquisas e observação”.             O Projeto de Lei está sendo elaborado e ainda nesta semana será encaminhado à Câmara de Vereadores para apreciação e votação. Atitudes de um governo que pensa no futuro de Coronel Domingos Soares e de sua gente.  
12/04/2021 - Executivo envia ao Legislativo PL que cria a Política Municipal do Turismo
A prefeitura de Coronel Domingos Soares enviou à Câmara de Vereadores o Projeto de Lei nº 907/2021, que institui a Política Municipal do Turismo de Coronel Domingos Soares, o Fundo Municipal do Turismo – FUNTUR – e o Conselho Municipal de Turismo, solicitando à Casa de Leis apreciação em “regime de urgência”.             Coronel Domingos Soares tem 1.558 quilômetros quadrados de extensão territorial e uma riqueza natural ímpar. Segundo a diretora do Departamento Municipal de Cultura e Turismo, Jeneci Brais Carvalho, a intenção é viabilizar o desenvolvimento do turismo no município, inserindo-o no mapa turístico do Paraná, como rota a ser apreciada por turistas e visitantes. “Temos muitas riquezas em Coronel Domingos Soares, como trilhas, dezenas de cachoeiras maravilhosas. A gente acredita que tendo a base vai ser conseguido desenvolver melhor esse setor no município. O campo é grande, a gente tem muitas riquezas naturais”, destaca a diretora.             Para fins de cumprimento do estabelecido na Política Municipal de Turismo, devem ser observados os conceitos de: Turismo, Oferta Turística, Demanda Turística, Produto Turístico, Segmentação Turística, Cadeia Produtiva do Turismo e Região Turística. Já quanto aos objetivos, merecem destaque o fomento ao potencial turístico de forma participativa e sustentável, com base em seu patrimônio cultural, natural e na capacidade empresarial; o estímulo à criação, à consolidação e à difusão dos produtos e destinos turísticos locais e regionais visando à ampliação do fluxo, do tempo de permanência e gasto médio dos turistas nacionais e estrangeiros; o apoio à realização de feiras e exposições, viagens de incentivos, congressos e eventos nacionais e internacionais; o incentivo a empreendimentos destinados às atividades de expressão cultural, de animação turística, entretenimento e lazer e de outros atrativos com capacidade de retenção e prolongamento do tempo de permanência do turista; a contribuição para o alcance de uma política tributária justa e equânime para as diversas entidades componentes da cadeia produtiva do turismo; e o fomento à sistematização e ao intercâmbio de dados estatísticos e informações relativas às atividades dos empreendimentos turísticos instalados no município e região, integrando as universidades e os institutos de pesquisa na análise desses dados, na busca da melhoria da qualidade e credibilidade dos relatórios estatísticos sobre o setor turístico.             Os princípios que orientam a Política Municipal de Turismo são: visão sistêmica, sustentabilidade, parcerias, qualidade, inclusão social, competitividade, mobilização e inovação. “O nosso intuito é colocar Coronel Domingos Soares no mapa turístico, porque os municípios da região estão, mas Coronel nunca esteve, nunca teve incentivo nessa área. A partir dessa lei, a gente estará criando também o Fundo do Turismo, para viabilizar recursos externos para ampliar esse setor, a economia, a diversidade, então a gente vai buscar parcerias com empresas, com a sociedade civil, organizando toda uma estrutura turística”, explica Jeneci, enfatizando que na próxima querta-feira (14) a empresa Experiente Agência de Viagens, de Curitiba, estará em Coronel Domingos Soares para conhece algumas atrações que poderão se tornar futuros atrativos turísticos.             O PL 907/2021 deverá ser apresentado na sessão ordinária do Poder Legislativo Municipal desta segunda-feira (12), e terá de passar por três votações.
07/04/2021 - Aprocel construirá sua sede na Área Industrial
A Aprocel – Associação de Produtores Orgânicos de Coronel Domingos Soares dará início, na próxima semana, à construção de sua sede agroindustrial, para processamento de hortaliças, de acordo com projeto do SEBREA - Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas. A estrutura será edificada na Área Industrial e terá aproximadamente 60 metros quadrados.             O vice-prefeito Liomar Bringhentti, o diretor do Departamento de Indústria e Comércio, Antônio Carlos Kovoliski, o tesoureiro da Aprocel, Rafael Espíndola de Abreu, e o topógrafo do Município, Edson Müller Gheno, estiveram no local vistoriando e fazendo as devidas medições para o início das obras. O vice-prefeito também acompanhou a ampliação da rede de água na Área Industrial, uma reivindicação feita por ele pessoalmente em janeiro deste ano em reunião no escritório regional da Sanepar – Companhia de Abastecimento do Paraná.             Segundo Abreu, a obra será construída em isopainel ou painel sanduíche, como também é conhecido, que é um material composto por duas chapas metálicas que são unidas por um produto isolante, no caso, isopor. “É considerada uma obra limpa, ou seja, é possível lavar totalmente as paredes, o chão, o teto, o que para a nossa atividade é muito importante”, comentou o tesoureiro, explicando que a construtora será a Busnello Engenharia e serão investidos R$ 120 mil reais. Tais recursos foram destinados à associação pela empresa Brookfields Energia Renovável, responsável pela construção da PCH Foz do Estrela, localizada no rio Iratim, interior de Coronel Domingos Soares, num equivalente de R$ 500 mil reais ao todo, que foram gastos com estufas, adubos, assistência técnica, certificação, irrigação e os 30% de contrapartida no projeto do SEBRAE.             Nesta quarta-feira (07), representantes do SEBRAE estiveram na Prefeitura para uma reunião com o vice-prefeito e com representantes da Aprocel, apresentando projetos, iniciativas e estreitando os laços entre a entidade e o Município para a organização de parcerias importantes para o desenvolvimento das micro e pequenas empresas domingosoarenses, o que vai ao encontro das metas do governo municipal.            
Atendimento
Coronel Domingos Soares - PR
Rua Avenida Araucaria Centro - 85557-000
(46)3254-1166
assescom.pmcds@gmail.com
Atualizado Quarta-feira, 14 de Abril de 2021 às 14:41:37